Prêmio CLAUDIA 2013

Mayana Zatz

2001

Por que ganhou
Nascida em Israel e radicada no Brasil, é pioneira nos estudos de doenças neuromusculares e especialista em distrofia muscular. Professora titular de Genética do departamento de biologia do Instituto de Biociências e coordenadora do Centro de Estudos do Genoma Humano da Universidade de São Paulo (USP), a cientista descobriu genes que podem levar à descoberta da cura da doença. Em 1981, criou a Associação Brasileira de Distrofia Muscular (Abdim) na USP, entidade que preside até hoje. A iniciativa se tornou o maior centro de investigação de doenças genéticas do país.

Hoje em dia
Em fevereiro de 2001, Mayana ganhou também o prêmio latino-americano L’Oréal-UNESCO para mulheres na ciência. Em 2009, recebeu ainda o Prêmio México de Ciência e Tecnologia. De2005 a2009, atuou como pró-reitora de pesquisa da Universidade de São Paulo (USP). Atualmente, é assessora de João Grandino Roda, reitor da universidade. Continua com suas pesquisas na área e ministra seminários e palestras. Escreve semanalmente para o blog Genética no site da revista Veja.

Contato

Instituto de Biociências da USP Telefone: (11) 3091-7549 / (11) 3091-4896 Twitter: @mayanazatz